Se a sua academia não faz vendas online, você precisa ler este artigo e começar o quanto antes a usar essa possibilidade que aumenta significativamente os seus resultados!

Introdução

O tom de urgência neste artigo se justifica, pois se você ainda não está fazendo vendas online em sua academia, precisa começar a utilizar essa funcionalidade o quanto antes, pois podemos dizer, sem medo de errar, que você está perdendo oportunidades! E perder oportunidades, nos dias de hoje, significa PERDER DINHEIRO!

Como sabemos que ninguém atualmente pode se dar ao luxo de perder dinheiro, queremos mostrar que ao utilizar um sistema de gestão com a possibilidade de vender online, você vai vender mais. E ganhar mais dinheiro!

Entenda neste artigo o que você deve fazer para começar a vender online e derrube os principais mitos sobre o assunto:

Venda online é para todos!

Toda vez que falamos que algo é para todos, precisamos logo em seguida fazer a ressalva: mas não é para qualquer um! Certamente, é para todos aqueles que estiverem inquietos, insatisfeitos e inconformados com a situação atual, querendo aumentar a performance de vendas da academia.

O inconformismo é fundamental, pois você vai ter que se certificar que o ambiente virtual de sua academia está atraente para a pessoa que chegar até você. Alguns passos são importantes para que suas vendas online tenham melhores resultados. 

Listamos alguns itens que você pode verificar, corrigir e acrescentar ao seu site e redes sociais, que ajudarão no seu processo de vendas através da internet:

⇒ Seu site deve estar atualizado, com as informações da academia e uma boa oferta para quem acessa;

⇒ Tenha depoimento de alunos, estudos de caso, relatos de pessoas que alcançaram seus objetivos através dos serviços da sua academia;

⇒ Sua página do Facebook deve ser convidativa e ter conteúdo relevante e atualizado para seus clientes;

⇒ Não esqueça de disponibilizar os produtos que você oferece, bem como seu quadro de horários atualizado;

⇒ Entregue conteúdo interessante e relevante de forma gratuita, de preferência em um blog, com materiais que possam responder as principais dúvidas e inseguranças dos seus possíveis clientes.

Enfim, são pontos importantes – e não tão complicados de fazer – que você precisa cuidar para receber o seu futuro cliente no ambiente virtual de sua academia, pois com isso, você aumenta o interesse dele em conhecer sua academia e ficar com você.

E já que ele se interessou, o que você vai fazer?

Não deixe o visitante ir embora sem fazer uma oferta de compra!

O exemplo é muito comum: domingo a noite, Fantástico na TV… imagine que a pessoa acabou de ver uma reportagem sobre perda de peso ou sobre os perigos do sedentarismo. Ela está em casa, tarde da noite e está a um passo de tomar a decisão de introduzir uma rotina de atividade física em sua vida, mas…

Antigamente, essa vontade passava depois de uma boa noite de sono e as obrigações da vida diária.

Porém, hoje em dia, a pessoa nem termina de ver a matéria e já está com seu smartphone em punho, procurando opções de lugares onde pode começar a obter qualidade de vida, perder peso ou qualquer que seja o motivo que a levará a uma academia.

Portanto, mesmo se a sua academia estiver de portas fechadas, ela pode receber uma visita no site!

E se você estiver com a lição de casa feita, conquistou a atenção desse possível cliente, mas ainda assim, precisa ter uma carta na manga para vencer a boa noite de sono e a rotina:

Você precisa vender para esse cliente, naquele momento em que ele ainda está sob o efeito da urgência em que está tomado pelo desejo de adquirir um estilo de vida mais saudável e abandonar de vez a vida sedentária que hoje é um grande mal da humanidade!

Ele está pronto para comprar, ele está com vontade de comprar, ele está a um passo de comprar… O que você vai vender para ele? Um plano anual pago em 12X, com multa de cancelamento, trancamento de férias, entre outras “cláusulas” no contrato? Dificilmente um visitante se sentirá seguro o suficiente de assumir um compromisso tão grande no calor do momento, certo? As chances dele desistir, ir embora do site e depois esquecer essa súbita vontade de treinar é muito alta.

Abaixo temos uma sugestão de como diminuir a barreira de entrada e vender pela internet opções mais “fáceis” para quem visita seu site. Confira:

Recomendamos para você:  Como um planejamento matador vai fazer você vender mais em sua academia!

Use pacotes de entrada para vender online na academia!

Tenha em mente que esse possível cliente está tomado pela emoção e quer se comprometer com a atividade física, porém, na hora de dar o número do cartão de crédito para efetuar a transação, ele pode se questionar se vale a pena… Por isso, como dissemos, não tente vender um plano anual para esse cliente! Ou nenhum outro tipo de compromisso muito longo e burocrático. A probabilidade dele se comprometer com isso é muito baixa.

A alternativa para quebrar esta primeira barreira pode ser oferecer um PACOTE DE ENTRADA para que ele inicie as atividades na academia com uma “pressão” menor do que um plano longo.

Conhece o famoso “Free Pass” ou a oferta de uma aula experimental gratuita? Então, o pacote de entrada é praticamente a evolução do “free pass”. Com ele, você vende um pacote com um valor extremamente atrativo, apenas para selar o compromisso comercial entre vocês e praticamente “obrigar” o cliente a comparecer para usar o que ele comprou!

Venda um plano quinzenal ou semanal, ou algumas aulas avulsas, qualquer opção que te dê a possibilidade de ser agressivo na venda, oferecendo uma condição praticamente irresistível.

É bom lembrar que também é possível disponibilizar um “free pass” online para o visitante, que não tem a mesma força, mas dá à sua equipe de vendas a possibilidade de trabalhar esse lead (contato).

Porém, temos fortes motivos para acreditar que a venda online pode ser realizada com sucesso e a época inclusive favorece!

Venda online tem tudo a ver com a Black Friday!

Uma das razões que muitas vezes “trava” o gestor de academia e o desmotiva a realizar uma venda online é o fato dele não se sentir à vontade em dar desconto, por dois motivos:

⇒ Tem medo disso impactar negativamente seu fluxo de caixa, com a diminuição do ticket médio.

⇒ Desconforto com o atual cliente, que provavelmente pagou o preço cheio do plano!

Ambos os motivos são bastante relevantes, porém, a ocasião ajuda a diminuir a sensação de desconforto do atual cliente, pois é uma prática comum nessa época a oferta de descontos agressivos.

E para resolver as duas situações, voltamos a enfatizar o assunto do tópico acima, ou seja, focar nos pacotes de entrada!

Se você fizer isso, não vai comprometer seu ticket médio, pois a estratégia será apenas uma oportunidade oficial de fazer o visitante comprar aquilo que experimentou e pagou um preço menor a título de “degustação”.

Portanto, se você ainda está em dúvida sobre o quanto a possibilidade de ter um sistema de gestão que te permita vender online, aproveite todo o movimento que a Black Friday causa e faça o teste!

A chance de você concordar com tudo o que dissemos aqui é muito grande!

Conclusão

Depois do que dissemos, nossa expectativa é que você esteja pronto para começar a vender online imediatamente!

Para garantir que você terá sucesso nessa estratégia, sugerimos que você baixe o nosso Kit para vender mais na Black Friday, onde inclusive você terá acesso a um rico material sobre a venda online.

Não perca seu tempo, não perca oportunidade, não perca dinheiro!

Comece a vender online e aumente sua lucratividade!